MAWACA - PRA TODO CANTO        'CD'     PAC       ''BRA''

Duplo clique para aumentar imagem

Reduzir
Aumentar

Mais Imagens

MAWACA - PRA TODO CANTO 'CD' PAC ''BRA''

Seja o primeiro a avaliar este produto

R$26,00

Em estoque

1. AS SETE MULHERES DO MINHO
Essa canção relata a saga das bravas mulheres do Minho que ‘armadas de fuso e roca’ defenderam Portugal dos ‘falsos cabrais’ referindo-se ao momento histórico em que Dom Miguel tomava conta de Portugal e o Minho tornou-se um foco de rebelião intensa contra esse estado autoritário. As mulheres do Minho queriam que D. Pedro voltasse do Brasil e restabelecesse seu poder em Portugal.
Ouça o áudio com letra

2. ÊH BOI!
Tema tradicional do Boi de Goianinha recolhido por Mário de Andrade. Embora ele tenha anotado que essa musica deveria ser cantada como um lamento em tempo lento e sem rítmica fixa, não pudemos evitar de transformá-la num simpático baiãozinho minimalista. Ouça o áudio com letra e veja o vídeo

3. DENDÊ COM CURRY – TALA INDIANA*
Nesta canção, o Mawaca aproxima o ritmo do pandeiro brasileiro com a tabla indiana. A pequena vinheta de abertura do tema de Kali é composta por palavras sem significação, trata-se de um saboroso solfejo que faz parte do aprendizado dos ritmos indianos. Ouça o áudio com letra

4. KALI
O texto é uma adaptação de duas orações tradicionais para Kali, deusa hindu. É uma das mulheres de Shiva, também conhecido como o deus da Destruição. Representa a fome insaciável do tempo que dá luz e depois o devora. Ouça o áudio com letra e veja o vídeo

5. LAMIDBAR
Neste canto hebraico tradicional, o Mawaca faz referência à festa de Pentecostes que, em maio e junho, celebra as colheitas. Ouça o áudio com letra

6. COCO ACOMETADO

7. AHKOY TÉ / HOTARU KOI
Canto dos índios Ikolen -Gavião que se refere ao mito da criação da humanidade quando o grande guerreiro Dërambi buscava o lugar de onde surgiu o povo, a humanidade. Dërambi descobriu a rocha de onde todos nasceram. Ele cantou Ahkoy Té quando percebeu que havia gente debaixo da pedra. Já a canção HOTARU KOI é uma canção infantil japonesa. Ouça o áudio com letra

8. SORAN BUSHI
Soran bushi é uma música do estilo folclórico japonês conhecido como Min’yo. É uma dança que simboliza os costumes dos pescadores de Hokkaido, região fria do Japão onde há muitos imigrantes. Os pescadores cantam o Soran bushi improvisando e criando frases engraçadas durante a transferência dos arenques dos barcos grandes para os botes. Para ajudar na contagem dos peixes, cantam o tempo todo. Assim conseguem ficar acordados, pois é comum passarem noites sem dormir. Ouça o áudio com letra e veja o vídeo

9. MAWACA PRA QUALQUER SANTO
Patativa do Assaré, Beto Birger, Magda Pucci e Marcus Santurys / Baseado no cordel Brosogó, Militão e o Diabo de Patativa do Assaré (Ed. Hedra).

10. CANGOMA ME CHAMOU
Mawaca apresenta novamente esse tema, usando agora os elementos musicais de maneira minimalista. As frases instrumentais, que se repetem com pequenas mudanças tímbricas e rítmicas, transformam Cangoma num mantra afro. Ouça o áudio com letra e veja o vídeo

11. TANGO DOS CHAVICOS
Tema de origem hebraica cantada na Espanha pela família de cantores flamencos Morente – versão do Chad Gadya – canto que remonta o Lex Talonis da tradição judaica – que se converteu numa brincadeira da festa de Pessach. Veja o vídeo

12. ET DODIM – Tempo de amantes
Canção tradicional sefardita que utiliza alguns versos extraídos do Cântico dos Cânticos de Salomão, livro bíblico sui generis, pois não fala de Deus nem de rituais religiosos, nem de pecados ou castigos segundo Henry Sobel. Fala unicamente do amor. A sensualidade dos poemas chama a atenção, mas nada é vulgar ou obsceno.

13. BORO HORO – HIRIGO / BRE PETRUNKO/ SUURET JA SORIAT
Nesta faixa se encontram três músicas que se conectaram pela guturalidade vocal presente nelas. O canto das índias Tupari – Hirigo – festeja o dia de descanso das mulheres. A canção búlgara Bre Petrunko é uma dança conhecida como horo e Suuret Ja Soriat é um lamento de uma moça finlandesa que se acha muito feia. As três músicas carregam uma forte dose de feminilidade combativa, cheia de garra. Por isso, seus sons e melodias vêm da garganta, isto é, do fundo da alma.

14. SALAMALEKUM
Salamalekum é uma expressão muçulmana cotidiana, para saudar a todos. Salam significa Paz. Por uma coincidência do destino, os vocais dessa faixa foram gravados no dia 11 de setembro de 2001, quando explodiam as Torres Gêmeas em NY – marcando um momento importante na história do Mawaca. Foi um dos temas da trilha sonora de Os Lusíadas, para a cena de chegada dos portugueses em Melinde.

14. ASADOYÁ YUNTA ( ao vivo – Sesc Vila Mariana)
Asadoya Yunta é a música mais conhecida de Okinawa – ilhas do Sul do Japão que são conhecidas como o lugar das danças e das músicas folclóricas. Asadoya Yunta é uma sátira aos oficiais tiranos que viveram em Okinawa. Ela comenta a história de uma lindíssima moça chamada Kuyama que foi prometida a um oficial do governo. Mas ela se recusou a casar com ele, exatamente pelo fato dele ser um oficial radical e tirano. Essa canção tem um forte significado político para os habitantes de Okinawa por estar relacionada à ocupação americana na ilha por muitos anos. Ouça o áudio com letra e veja o vídeo

15. GAYATRI MANTRA
O Gayatri Mantra está voltado à inteligência universal com o objetivo de conscientizar o homem de sua natureza divina. Quem entoa esse mantra recebe fortes vibrações solares de vigor e entusiasmo e discernimento.

Detalhes

Mawaca recria as formas musicais ancestrais e incorpora temas de várias partes do mundo, uma rede musical inventiva. Como pano de fundo desta produção musical rico e incendiário, onde muitos ritmos brasileiros e gêneros como maracatu, coco, embolada, cangomas, lado a lado cordel mantras indianos, cantos hebraicos, horos búlgaros e canções finlandesas. Com um soco sonoro, Mawaca mostra a música poderosa que Mawaca é capaz de realizar no palco. Sempre em busca de relações através de melodias e ritmos, Mawaca pra TODO canto é uma espécie de mandala feita por sons que juntos fica um sentimento universal, nada a ver com a globalização, mostrando que não há fronteiras na música.

Informação Adicional

Artista MAWACA
Formato da Mídia CD
Gravadora AZUL MUSIC
Origem BRASIL
Nº de Faixas 16
Código Identificador (SKU) AMCD 284

Comentários do Cliente

Queremos saber sua opinião

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.