TOM ZE -DANÇ-EH-SA   -  DANÇA DOS HERDEIROS DO SACRIFICIO O FIM DA CANÇAO    AO VIVO  ''BRA''

Duplo clique para aumentar imagem

Reduzir
Aumentar

Mais Imagens

TOM ZE -DANÇ-EH-SA - DANÇA DOS HERDEIROS DO SACRIFICIO O FIM DA CANÇAO AO VIVO ''BRA''

Seja o primeiro a avaliar este produto

R$35,00

Em estoque

Detalhes

Lançado em 2006, o disco “Danç-Êh-Sá – A Dança dos Herdeiros do Sacrifício”, de Tom Zé, agora ganha uma versão ao vivo. A gravação foi realizada no ano passado, nos estúdios da Trama, em parceria com o Canal Brasil. O registro foi o escolhido para dar o pontapé inicial do projeto Álbum Virtual, da Trama, que consiste em disponibilizar discos completos para baixar na internet. As faixas estão no formato MP3, em alta qualidade, com bitrate de 320 kbps, sem nenhuma proteção antipirataria. O projeto ainda permite que sejam colocados vídeos em três resoluções diferentes e arquivos de imagem, para compor o encarte do disco. Para baixá-las, os internautas precisam apenas acessar o endereço eletrônico do Álbum Virtual (www.albumvirtual.trama.com.br) e se cadastrar no site. O download é gratuito para o público, embora os artistas sejam remunerados por meio de uma empresa patrocinadora. Além de Tom Zé, a Trama vai lançar no projeto discos de Ed Motta, Cansei de Ser Sexy, Quinteto em Branco e Preto e uma coletânea que marca os dez anos da gravadora. Até o fim do ano, o selo planeja colocar na rede todo o seu acervo. Disponível desde sexta-feira passada, “Danç-Êh-Sá Ao Vivo” ficará na rede por três meses. Os downloads serão patrocinados pela VR Benefícios. O disco reúne todas as sete faixas do álbum de estúdio, mais a regravação de “Xique Xique”, também de Tom Zé. No álbum, o baiano de Irará retoma seus experimentos em busca de novas sonoridades. Aos 72 anos, o compositor mostra que continua se debatendo contra as amarras estéticas. A inventividade da sua música permanece com o frescor de um rebelde que desafia os ouvidos do mundo. Como resposta a uma pesquisa realizada pela MTV, onde a maioria dos jovens responderam que não se importavam com as letras das músicas, Tom Zé fez “Danç-Êh-Sá” com versos construídos por onomatopéias. Mesmo assim, o compositor consegue dar seu recado. Ao mesclar elementos da música africana com a ausência de letras, Tom Zé sugere a denúncia do descaso sofrido pelos negros, com o descaso dos governos desde a escravidão. A única faixa onde a mensagem fica mais explícita é “Abrindo as Urnas”. Sob o título já sugestivo, Tom Zé transforma o Hino Nacional numa música alegre, como se fosse uma denúncia ao clima de festa dos políticos, rumo à bandalheira da corrupção. No show, durante a música “Taka-Tá”, o baiano também retoma o discurso de “Com Defeito de Fabricação”, ironizando os erros do projeto de dominação cultural sofrido pelo terceiro mundo

Informação Adicional

Artista TOM ZE
Formato da Mídia CD
Gravadora TRAMA
Origem BRASIL
Nº de Faixas 8
Código Identificador (SKU) TRM_14752

Comentários do Cliente

Queremos saber sua opinião

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.